Fonte: OpenWeather

    Meio Ambiente


    Mais de 70 metros cúbicos de madeira ilegal apreendidos no Nova Cidade

    A apreensão ocorreu após uma denúncia anônima

     

    70 metros cúbicos de madeira ilegal.
    70 metros cúbicos de madeira ilegal. | Foto: Pelegrine Neto/SSP-AM

    Manaus (AM) - O Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) apreendeu, na tarde desta quarta-feira (04/08), cerca de 70 metros cúbicos de madeira ilegal em um depósito localizado na Comunidade dos Índios, bairro Nova Cidade, na zona norte de Manaus. Além da madeira, os policiais ainda apreenderam mais de R$ 2,8 mil em espécie. Durante a ação, um homem de 24 anos foi detido.

    A apreensão ocorreu após uma denúncia anônima recebida pela equipe do BPAmb, informando a localização do material ilícito. De acordo com o tenente Tiago Ribeiro, o suspeito não apresentou o documento obrigatório para o armazenamento da madeira.

    No local, nós constatamos aproximadamente 70 metros cúbicos de madeira serrada e fizemos contato com o proprietário do estabelecimento, mas o mesmo não apresentou o DOF (Documento de Origem Florestal) da carga encontrada, bem como não apresentou a licença ambiental para fins de comercialização de madeira. Mediante esse fato, foi configurado crime ambiental e dada voz de prisão ao infrator”, explicou o tenente.

    Sem licença

    O responsável pela madeira ilegal, um homem de 24 anos, foi conduzido até a Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente e Urbanismo (Dema), onde foi autuado em flagrante por crime ambiental.

    O BPAmb orienta a população que vender, ter em depósito, transportar, guardar madeira ou outros produtos de origem vegetal, sem licença outorgada por autoridade competente, configura crime ambiental, com penalidades previstas em lei.

    *Com informações da assessoria 

    Leia mais:

    Batalhão em Manaus apreende madeira ilegal extraída da floresta

    Batalhão Ambiental apreende maior carga de madeira ilegal no Amazonas

    Madeireira é multada em mais de R$ 190 mil em Manicoré

    Comentários