Fonte: OpenWeather

    Crime


    Suspeito de matar motorista de App que foi esquartejado é preso

    Ele estava sendo procurado por envolvimento na morte do motorista de aplicativo Marcos Teixeira Maia. O crime ocorreu em dezembro de 2020.

     

    Felipe Patrício da Silva estava sendo procurado por envolvimento na morte do motorista Marcos Teixeira Maia
    Felipe Patrício da Silva estava sendo procurado por envolvimento na morte do motorista Marcos Teixeira Maia | Foto: Divulgação

    Manaus (AM) - Felipe Patrício da Silva, de 21 anos, foi preso nesta quarta-feira (20), durante operação realizada pelas equipes das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) na Zona Leste de Manaus. Ele estava sendo procurado por envolvimento na morte do motorista Marcos Teixeira Maia, que tinha 27 anos e foi esquartejado. O crime ocorreu em dezembro de 2020.

    A operação também resultou na prisão de pelo menos mais cinco pessoas que portavam armas e drogas. As diligências foram realizadas em comunidades do bairro Jorge Teixeira, na Zona Leste de Manaus. Mais detalhes ainda serão repassados pelas equipes policiais.

      

    A operação também resultou na prisão de pelo menos mais cinco pessoas que portavam armas e drogas
    A operação também resultou na prisão de pelo menos mais cinco pessoas que portavam armas e drogas | Foto: Divulgação

    O homicídio

    O crime ocorreu no dia 23 de dezembro de 2020. O corpo de Marcos foi deixado  no porta-malas de um carro estacionado na rua Donicio Santos, no bairro Cidade de Deus, na Zona Norte. O corpo esquartejado foi encontrado por um amigo da vítima.

     

     Felipe Patrício da Silva, suspeito, 21 anos
    Felipe Patrício da Silva, suspeito, 21 anos | Foto: Divulgação

    Leia Mais

    Corpo de motorista de App é encontrado esquartejado no Cidade de Deus

    Comentários