Fonte: OpenWeather

    Mobilidade urbana


    Complexo viário com infraestrutura moderna é inaugurado em Manaus

    A obra, juntamente com duas novas linhas de ônibus, foi entregue nesta segunda-feira (29) pelo prefeito Arthur Virgílio Neto

    O projeto conta com 35 mil metros quadrados, possui passagens subterrâneas, a construção de passarelas para pedestres com elevadores
    O projeto conta com 35 mil metros quadrados, possui passagens subterrâneas, a construção de passarelas para pedestres com elevadores | Foto: Lucas Silva

    Manaus- Após 15 meses em obras, o complexo viário Ministro Roberto Campos, localizado na avenida Constantino Nery, foi entregue nesta segunda-feira (29). Com o objetivo de agilizar o trânsito manauara, o complexo interliga as zonas Oeste e Centro-Sul dando início a uma nova história no tráfego de Manaus. A solenidade de entrega começou as 16h com a presença do prefeito, Arthur Virgílio e autoridades do Estado.

    Além de proporcionar fluxo mais ágil entre os eixos da zona Norte e Sul, o projeto conta com 35 mil metros quadrados, possui passagens subterrâneas, a construção de passarelas para pedestres com elevadores, a desativação de sete semáforos e colabora com a infraestrutura e urbanismo na capital amazonense. 

    | Foto: Lucas Silva

    “Roberto Campos foi um grande amigo meu. Ele que fez a Zona França de Manaus e não deve ser um desconhecido para nós. O anel viário do Manoa será entregue em Outubro. Mas esta obra aqui é a ma ior já feita na cidade. Eu e minha esposa estamos muito orgulhosos com esse feito. Essa obra vai mudar a mobilidade urbana da nossa cidade. Está entregue o complexo viário,Roberto Campos. Meu maior legado físico é esta obra”, declarou o prefeito. 

    Estrutura do projeto

    O complexo também contempla a nova estação de transferência de passageiros, São Jorge, que possibilita a conexão de linhas de ônibus utilizando o sistema de bilhetagem eletrônica com o uso do Cartão Cidadão, nos moldes de um terminal de integração.

    Para o segurança Antonino Pereira, morador do bairro São José a obra é muito importante. Em entrevista ao EM TEMPO, ele falou estar surpreso com a estrutura e dimensão do Complexo.  

    “Chegou em uma boa hora essa obra. Não tinha noção que ficaria assim. Cheguei a pensar que ficaria parecido com o complexo do Coroado, mas ficou maior e mais bonito. Bem trabalhada e é estruturada. Eu estou muito alegre e satisfeito. Parabéns ao prefeito a todos os envolvidos no projeto”, disse contente Antonito.

    Passageiros

    | Foto: Lucas Silva

    Ao chegar na plataforma inferior da estação São Jorge, os usuários desembarcam e se dirigem para a plataforma superior na avenida Constantino Nery e, assim, embarcam no coletivo que os levará para vários destinos da cidade. No entanto, para essa integração, o passageiro deverá utilizar o Cartão Cidadão. Caso não tenha, ele receberá o smart card com um crédito para integração, que poderá ser utilizado em viagens futuras, mediante a nova compra de créditos pelo usuário. Na estação, também haverá um guichê para emissão de novos cartões e recarga de créditos.

    Trânsito

    A primeira passagem, liga a avenida João Valério à avenida São Jorge. Uma bifurcação com curva à esquerda, possibilita o acesso à avenida Constantino Nery, sentido Centro, passando embaixo da estação de transferência. A segunda passagem subterrânea interliga a rua Arthur Bernardes, bairro São Jorge, com a rua Pará. 

    | Foto: Lucas Silva

    As duas passagens subterrâneas desativam sete semáforos, que antes controlavam o tráfego de veículos nos dois cruzamentos da avenida Constantino Nery. O trânsito fluirá com mais segurança para condutores e pedestres, que poderão acessar toda a área do complexo viário por meio de passarelas com elevadores.

    Novas linhas de ônibus

    A prefeitura lançou duas linhas de ônibus para transportar os moradores dos bairros das zonas Oeste e Centro-Oeste, diretamente para a nova estação de transferência São Jorge.

    As novas linhas de ônibus que começam a operar a partir da terça-feira (30) a são as 019 e 020, que farão a integração de passageiros da plataforma inferior da estação para a superior, que recebe as linhas troncais. Os coletivos dessas novas linhas percorrerão os bairros Vila Marinho, Compensa, São Jorge, Lírio do Vale, Nova Esperança e Conj. Augusto Montenegro, com destino à nova estação, construída no complexo viário.

    Fim do processo  

    A obra cumpriu com o prazo previsto para entrega, a partir de hoje (29) o complexo já está funcionando. Segundo Artur, logo os ônibus novos irão chegar e concluir planejamento urbano de trânsito tanto para pedestres quanto para os condutores.

    Comentários